Não há dúvidas de que a certificação CFP® é uma das mais valorizadas do mercado financeiro. Ela é responsável por certificar profissionais que trabalham com planejamento financeiro pessoal e familiar, reconhecendo suas habilidades e servindo como uma espécie de validação sobre a seriedade e o profissionalismo dos serviços prestados.

Para ter a certificação CFP®, os profissionais devem fazer uma prova que avalia conhecimentos em muitas áreas, como gestão de investimentos, aposentadoria, seguros, tributação e sucessão. No Brasil, aproximadamente 6 mil pessoas têm essa certificação, o que as deixa em destaque.

Um dos requisitos para que esses profissionais tenham e mantenham a certificação é a adesão ao Código de Conduta Ética e Responsabilidade Profissional da Planejar, que é a instituição responsável pela certificação no Brasil. Os profissionais que descumprirem o código correm o risco de terem a certificação suspensa e até cancelada. 

SOBRE O CÓDIGO DE ÉTICA DOS PROFISSIONAIS CFP®

O Código de Ética da Planejar apresenta oito princípios éticos e 25 regras de conduta que são esperadas de um profissional com a certificação CFP® para lidar com clientes, colegas de profissão, empregadores, empregados e autoridades em geral.

O Código está disponível para consulta online e é direcionado tanto a pessoas físicas que foram aprovadas na certificação CFP®  quanto a pessoas físicas e jurídicas que não foram certificadas, mas que são associadas da Planejar. 

OS OITO PRINCÍPIOS

Existem oito princípios apresentados pelo Código de Ética que devem ser aplicados em todas as relações estabelecidas pelo profissional certificado CFP® com o público que atende, clientes e colegas de profissão. São eles:

  1. CLIENTE EM PRIMEIRO LUGAR: Não colocar ganhos ou vantagens pessoais acima dos interesses do cliente. 
  2. INTEGRIDADE: Atuar de maneira honesta, íntegra e transparente. 
  3. OBJETIVIDADE: Trabalhar com honestidade intelectual, fazendo recomendações de maneira transparente e baseada em princípios técnicos.
  4. IMPARCIALIDADE: Informar clientes e colegas de forma imparcial sobre seus direitos e deveres, sem jamais privilegiar questões e decisões pessoais.
  5. PROFISSIONALISMO: Agir de forma respeitosa com clientes, colegas, instituições vinculadas ou concorrentes e órgãos reguladores.
  6. COMPETÊNCIA: Desenvolver conhecimentos e habilidades necessárias para a atuação profissional.
  7. CONFIDENCIALIDADE: Proteger as informações dos clientes.
  8. DILIGÊNCIA: Fornecer serviços profissionais de forma adequada, dedicada, zelosa e rigorosa.

REGRAS PARA PROFISSIONAIS CFP®

Além dos princípios, o Código de Ética também apresenta 25 regras de conduta que devem ser seguidas de maneira rigorosa pelos profissionais que tenham a certificação CFP® ou que sejam associados à Planejar. Conheça algumas delas:

  • Assegurar que suas preferências ou interesses pessoais não afetem de forma adversa os serviços prestados ao cliente.
  • Não omitir a clientes ou terceiros os potenciais benefícios gerados em proveito próprio pelos serviços prestados.  
  • Não fornecer, direta ou indiretamente, informações falsas ou enganosas relacionadas às suas qualificações ou serviços.
  • Não incorrer em conduta desonesta, fraudulenta, enganosa ou falsa.
  • Exercer julgamento prudente ao oferecer e prestar serviço.

A partir do Código de Ética, a Planejar consegue assegurar que os profissionais certificados e associados praticam a profissão de maneira adequada, mantendo a CFP® como uma das certificações mais importantes do mercado financeiro do Brasil e do mundo. 

E aqui vem uma curiosidade: você sabia que, somente em 2021, mais de 500 aprovados foram alunos da Academia Rafael Toro? Se você está se preparando para essa certificação, conte com nossa Academia de Finanças para conquistar o título!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.