É possível investir no exterior? Descubra aqui

Muito se fala sobre os melhores investimentos brasileiros para cada perfil de investidor, mas muitas vezes se deixa de lado a alternativa de focar em mercados mais distantes. Sim: para investir lá fora, nem sempre é necessário abrir conta em bancos estrangeiros ou fazer câmbio. Quer entender como é possível investir no exterior? Falaremos disso a seguir! 

POR QUE INVESTIR NO EXTERIOR? 

Como você pode imaginar, a principal vantagem de investir no exterior é a diversificação da carteira, afinal, quanto mais distribuídos os seus investimentos estiverem, menor será o risco arcado por você. É aquela velha história de “nunca colocar todos os ovos na mesma cesta”. 

Por isso, muitos investidores que procuram manter a sua carteira de investimentos bem distribuída recorrem a mercados mais longínquos, minimizando a perda e, na mesma medida, aumentando as possibilidades de ganhos. 

E aqui é importante lembrar que ao investir lá fora, o investidor está focando em influências diferentes do mercado brasileiro, o que pode trazer resultados positivos num momento em que a economia do nosso país, por exemplo, não está sendo conduzida para isso.

PRINCIPAIS INVESTIMENTOS INTERNACIONAIS

Agora que você entendeu os motivos que levam os investidores a focar no exterior, vamos falar sobre os principais investimentos internacionais disponíveis no mercado brasileiro. Acompanhe as opções:

FUNDOS DE INVESTIMENTO

Você já sabe como os fundos de investimento funcionam, né? Eles reúnem os recursos de vários investidores, que são conhecidos como cotistas, e aplicam o capital, dividindo o resultado pelo número de cotas que cada investidor tem. Cada fundo tem as suas próprias características, e muitos deles podem alocar uma parcela do capital em ativos estrangeiros. Outra alternativa são os fundos internacionais, que, no entanto, têm regras mais restritas. 

ONDE ESTÃO DISPONÍVEIS?

Os Fundos de Investimento Internacionais estão disponíveis em plataformas de bancos de investimentos e de corretoras de valores.

FUNDOS DE ÍNDICE (ETFs)

Os Fundos de Índice são fundos de investimento que investem em uma carteira de ações que busca replicar a carteira e a rentabilidade de um determinado índice de referência, como o Ibovespa ou outro índice de ações – inclusive internacional – reconhecido pela Comissão de Valores Mobiliários. Um exemplo é o S&P 500, indicador relevante do mercado americano. 

ONDE ESTÃO DISPONÍVEIS?

Os Fundos de Índice estão disponíveis na Bolsa de Valores Brasileira.

BRAZILIAN DEPOSITARY RECEIPTS (BDRs)

Esta é uma outra maneira de investir lá fora sem precisar abrir uma conta no exterior. Os BDRs funcionam como se fossem valores mobiliários lastreados em papéis de companhias que podem ser estrangeiras ou brasileiras. Em resumo, o investidor não faz a compra dos ativos de maneira direta, mas de um certificado que os representa, podendo conduzir os trâmites direto do Brasil. 

ONDE ESTÃO DISPONÍVEIS?

Os BDRs estão disponíveis na Bolsa de Valores Brasileira.

Se você se interessou por esses investimentos no exterior, deve, primeiro, abrir uma conta em um banco de investimentos e ou em uma corretora de valores, que vão funcionar como intermediárias para os seus investimentos.Gostou desse conteúdo? Veja nosso blog aqui!

Rafael Toro

Rafael Toro

CEO e sócio fundador da Academia Rafael Toro