Quando o assunto é a Bolsa de Valores, é comum falarmos sobre traders e investidores. Embora quem tem pouca familiaridade com o assunto acredite que os dois termos são sinônimos, eles se referem a situações distintas. Você sabe a diferença entre trader e investidor? Descubra aqui! 

DIFERENÇAS ENTRE TRADER E INVESTIDOR

Antes de mais nada, precisamos esclarecer que tanto o trader quanto o investidor têm como objetivo alcançar o lucro através dos investimentos. Porém, para isso, assumem posturas completamente distintas. Como assim? 

Podemos dizer que o trader atua com foco no curto prazo, ou seja, aproveita uma oscilação pontual do preço, arcando com um risco maior para alcançar uma maior rentabilidade. O investidor, por sua vez, atua com foco no médio ou no longo prazo, priorizando a segurança.

Veja aqui os principais pontos pontos que diferenciam o trader e o investidor:

DURAÇÃO DO INVESTIMENTO

Premissa básica: o trader realiza as suas negociações em um prazo curto, enquanto o investidor foca no médio ou longo prazo. 

FREQUÊNCIA DE NEGOCIAÇÕES

O trader realiza negociações numa frequência muito mais elevada do que o investidor, que escolhe seus investimentos e permanece nele por meses ou até anos. 

RETORNO FINANCEIRO

Podemos dizer que o retorno financeiro mensal do trader é mais elevado, já que ele faz transações com maior frequência do que os investidores. 

OS TIPOS DE TRADER 

Agora que você já entendeu a diferença entre trader e investidor, vamos apresentar os tipos de trader - cuja diferença consiste no tempo em que permanecem nos investimentos. Veja aqui:

SCALPER TRADER 

O Scalper Trader realiza negociações de prazo muito curto, cujos ativos são adquiridos e encerrados em minutos ou, no máximo, em poucas horas.

DAY TRADER

O Day Trader realiza negociações de compra e venda no mesmo dia, geralmente comprando no início do dia e vendendo até o encerramento do pregão. 

SWING TRADER 

O Swing Trader faz as suas negociações ao longo da semana ou do mês, comprando a ação em um dia e vendendo em outro. Ainda assim, o seu comportamento está alinhado ao do trader e não do investidor de médio prazo.

O TRADER DEVE AGIR COM ESTRATÉGIA

Como você já percebeu, o trader visa uma alta lucratividade e, para isso, lida com um risco maior do que o investidor. Por isso, enfatizamos que o trader deve sempre atuar com estratégia, tendo em vista que uma decisão impulsiva pode ser altamente negativa. 

Sabendo disso, veja os itens que um trader deve priorizar:

CONHECIMENTO SOBRE O MERCADO

Esse ponto é básico tanto para o trader quanto para o investidor. Antes de se aventurar na Bolsa de Valores é essencial conhecer o funcionamento do mercado. 

CONTROLE FINANCEIRO

O trader deve ter o seu orçamento pessoal muito organizado. Desta forma, poderá investir com uma parcela do seu capital, sem comprometer a sua reserva de segurança. 

CURSO DE DAY TRADE

Conhecimento nunca é demais. E, no caso do trade, é isso que pode diferenciar o sucesso do fracasso. O trader precisa conhecer as estratégias e comportamentos do mercado antes de começar a negociar.  

EQUILÍBRIO EMOCIONAL

A impulsividade é a grande inimiga dos traders e investidores. A euforia, por exemplo, pode conduzi-los para caminhos difíceis.

Agora que você já sabe a diferença entre o trader e o investidor, conheça os principais motivos para investir. Boa leitura! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.