Quer crescer na carreira? Veja as habilidades mais valorizadas pelo mercado

Você sabia que candidatos com soft skills (habilidades comportamentais) superam aqueles com hard skills (habilidades técnicas)? É isso que dizem 93% dos 264 RHs de empresas brasileiras que participaram de uma pesquisa feita pelo time do economista e especialista em transformação digital Andrea Iorio.

De acordo com Iorio, os profissionais brasileiros têm um desequilíbrio entre soft skills e hard skills. Isso é uma herança do mundo analógico que estamos deixando para trás, no qual as habilidades técnicas e a capacidade produtiva sempre estiveram acima de tudo. 

Porém, atualmente o cenário é outro, uma vez que precisamos ser complementares à tecnologia e desenvolver ainda mais as habilidades que só nós, humanos, somos capazes de incorporar no cotidiano.

Por isso, não há nada mais estratégico para se destacar no mercado de trabalho do que aprimorar as soft skills. A seguir, confira algumas habilidades comportamentais que te ajudam a ir em busca dos teus objetivos:

1. COMUNICAÇÃO EFICAZ

Cada vez mais se fala na comunicação não violenta para aprimorar o diálogo nas relações pessoais e profissionais. A razão disso é clara: muitos conflitos poderiam ser evitados se as pessoas soubessem se comunicar de maneira clara, respeitosa e assertiva. Uma comunicação adequada é a ponte entre colegas de trabalho, gestores e clientes – e aqui é importante lembrar que falar bem também significa saber ouvir.

2. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Inteligência emocional nada mais é do que a capacidade de identificar e de lidar com as suas emoções e com as emoções de outras pessoas, como colegas de trabalho e gestores. Na prática, ser emocionalmente inteligente significa ser capaz de perceber as suas emoções e, desta maneira, saber nomeá-las, entendendo a causa e desenvolvendo maneiras eficazes de lidar com elas. Ou seja, inteligência emocional não é sobre não sentir, mas sim sobre o que fazer com o que você sente. 

3. MEDIAÇÃO DE CONFLITOS

Podemos dizer que a mediação de conflitos é uma das habilidades comportamentais com mais valor para uma organização, uma vez que é isso que fará com que as questões sejam resolvidas da maneira mais adequada e justa, sem causar danos à qualidade do trabalho desempenhado. E vale lembrar que essa capacidade não deve ser exclusiva dos gestores e, inclusive, pode ser um diferencial para assumir desafios de liderança numa empresa.

4. INTEGRAÇÃO DE ÁREAS DE CONHECIMENTO

As certificações financeiras são essenciais para que os profissionais possam desempenhar determinadas tarefas dentro de uma organização. Mas cabe a cada indivíduo saber integrar esses conhecimentos, desempenhando um trabalho eficaz. Para isso não basta somente conhecer a teoria: também é preciso ter iniciativa, curiosidade e vontade de aprender. 

Mais do que ninguém, nós, da Academia Rafael Toro, entendemos a importância do conhecimento técnico, das certificações e de se atualizar a cada dia sobre as mudanças em curso no mercado, mas é importante que isso ande lado a lado ao desenvolvimento de competências comportamentais. A maioria delas, como tudo que se aprende, você vai levar pra vida, onde quer que vá atuar.

Rafael Toro

Rafael Toro

CEO e sócio fundador da Academia Rafael Toro