Certificações Anbima: veja a história da CPA-10 e CPA-20

Você sabia que tem festa em 2022? Quem está de aniversário é a certificação CPA-20, que comemora 20 anos de existência. Essa foi a primeira certificação da Anbima e que abriu caminho para outras três certificações: CPA-10, CEA e CGA. 

Já que falamos tanto sobre mercado financeiro e certificações, está na hora de recapitular essa história e contar como tudo começou. Quer saber sobre as duas primeiras certificações Anbima? Continue lendo e conheça a história da CPA-10 e CPA-20!

O QUE É ANBIMA?

Anbima é a sigla da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais. A Associação representa instituições como bancos, gestoras, corretoras, distribuidoras e administradoras e tem como objetivo reproduzir a pluralidade dos mercados. 

A Anbima foi criada em 2009 a partir da junção de duas entidades, mas, pode-se dizer, que representam os mercados há 40 anos. 

HISTÓRIA DAS CERTIFICAÇÕES FINANCEIRAS 

Não há dúvidas de que as certificações financeiras têm uma contribuição muito importante para o setor financeiro, já que funcionam como um selo, atestando que os profissionais estão capacitados para trabalhar em determinados cargos e funções. 

E foi justamente esse o objetivo da Anbima ao criar a CPA-20. Conforme a instituição, a ideia de introduzir as certificações financeiras no mercado brasileiro surgiu na gestão de Edmar Bacha, presidente entre 2000 e 2003. A seguir, veja a história da CPA-10 e CPA-20: 

CPA-20

Essa foi a primeira certificação da Anbima, que começou a ser aplicada em novembro de 2002 com o nome de Certificação Qualificada. Menos de dois anos depois teve o seu nome alterado para CPA-20, dando uma ideia de continuidade em relação à certificação CPA-10.

Com o tempo, o exame foi se adaptando às necessidades do mercado. Olha só: no início a prova era composta por 200 questões que deveriam ser resolvidas em até 4h. Atualmente, a prova tem 60 questões, e o candidato conta com 2h30 para resolvê-las. 

No primeiro exame, 366 pessoas foram aprovadas, representando 32% dos candidatos. Hoje em dia, mais de 196 mil profissionais já conquistaram a certificação CPA-20.

CPA-10

A CPA-10 nasceu um ano depois da CPA-20 e, no princípio, era conhecida como Certificação Básica. Após pouco tempo recebeu o nome de CPA-10 para deixar claro que se trata do primeiro passo no mundo das certificações financeiras, sendo a CPA-20 o passo seguinte (ainda que a CPA-10 não seja um pré-requisito para a CPA-20). 

Como é de se esperar, a prova da CPA-10 também sofreu adaptações com o tempo. O primeiro exame era composto de 80 questões e podia ser resolvido em até 4h. Hoje em dia, conta com 50 questões, e o candidato tem 2 horas para resolvê-las. 

Diferente da CPA-20, que teve um grande percentual de reprovação, a CPA-10 viu a maioria dos candidatos aprovados: 98% dos candidatos foram aprovados. Hoje, mais de 460 mil profissionais têm a CPA-10 currículo.

Gostou de saber mais sobre a história dessas duas certificações da Anbima? Se você pensa em conquistar a CPA-10 ou a CPA-20, saiba que podemos ajudá-lo. Conheça aqui os nossos cursos!

Rafael Toro

Rafael Toro

CEO e sócio fundador da Academia Rafael Toro